Revista Master – 16ª edição: Ozonioterapia é utilizada para o tratamento de várias doenças

 Por Doutora Karla Suzany Oliveira | Crédito: Revista Master

Você já ouviu falar em Ozonioterapia? Guarde este nome, pois trata-se de um procedimento terapêutico onde o gás ozônio (O³) é utilizado associado ao oxigênio, recebendo nomenclatura de ozônio medicinal. Em linhas gerais, é uma prática médica considerada, na grande maioria da sua aplicabilidade, como de baixo risco e alto nível de sucesso terapêutico (nível mundial).

É importante ressaltar que o O³ medicinal difere do ozônio industrial por estar vinculado ao oxigênio. Tem propriedades anti-inflamatórias, antissépticas, efeito germicida (bactericida, viruscida, virustático e fungicida), modula o estresse oxidativo (radicais livres em excessos na corrente sanguínea), melhora a circulação periférica e pode ajudar a tratar mais de 250 doenças.

Leia a matéria completa na nova edição da Revista Master (CLIQUE AQUI):