Levy Azevedo

Aos 42 anos, mestre Levy, como é mais conhecido, é 5° dan nacional e internacional de Taekwondo (Kukkiwon), personal fighter, formado em Gestão Esportiva e especialista em Tae Boxe.
Natural de Rio Branco, no Acre, enveredou para o caminho marcial no final da década de 80, por meio de um projeto social da Polícia Militar. Seus principais mentores foram o coronel Daniel Jordão de Melo e o GM Juca.
No decorrer de todo esse tempo, acumulou muitos triunfos. É tricampeão brasileiro de poomsae (formas), kiopa (quebramento de telhas de barro) e kyorugui (luta), bicampeão da Copa América, hexacampeão acreano, campeão intercontinental, campeão da Copa Norte, campeão do Desafio Nacional 2017 (kiopa), vice-campeão do GP Brasil, entre outros.
Atualmente, três vezes ao ano, viaja para se qualificar, participar de seminários, workshops e cursos pedagógicos profissionalizantes de Taekwondo. Formou vários alunos, incluindo seu orgulho, o filho Bryan Adrian, o Pequeno Tigre. Mestre Levy sonha um dia vê-lo disputar as Olimpíadas, e quem sabe, torná-lo campeão.
Em seu centro de treinamento, para conquistar a faixa preta, o atleta tem que cumprir, no mínimo, cinco anos de prática e realizar curso de instrutor com carga horária de 40 horas, incluindo de primeiros socorros.