Por Comitê Olímpico do Brasil | Crédito: Rafael Bello/COB

 

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) reuniu na última quarta-feira, dia 27, treinadores, coordenadores e atletas de referência para dividir experiências e ideias para o bom desempenho do Time Brasil durante os Jogos Olímpicos Rio 2016. O quarto encontro do grupo contou com a participação de cerca de 50 profissionais de diversos esportes olímpicos, entre eles, treinadores campeões olímpicos e mundiais, como Bernardinho, Jesus Morlán, Marcos Goto, Ratko Rudic e Morten Soubak. O medalhista olímpico Gustavo Borges, da natação, foi o representante dos ex-atletas na reunião.

O presidente do COB, Carlos Arthur Nuzman, enalteceu a importância do debate entre as principais lideranças esportivas do país. “Gostaria de agradecer a presença de todos os presentes e parabeniza-los pela iniciativa de estarem juntos neste encontro das pessoas que realmente conduzem, dirigem e têm participação e influência muito grandes nos atletas. Esse exemplo que vocês estão dando eu poucas vezes vi no mundo. A confiança no trabalho de vocês é muito grande”, afirmou Carlos Arthur Nuzman.

Além da intensa troca de experiências entre os participantes, o encontro contou com apresentações do treinador da equipe de canoa do Brasil, Jesús Morlán, e do gestor de Alto Rendimento da Confederação Brasileira de Judô, Ney Wilson. “Tenho participado desde o primeiro encontro e posso dizer que estas reuniões têm contribuído muito para a nossa modalidade. Temos muitos bons treinadores aqui que trazem elementos novos que podem beneficiar outras modalidades”, avaliou Ney Wilson.

O grupo, que é dinâmico e pode ter novos integrantes a cada reunião, terá mais três encontros previstos até o início dos Jogos Olímpicos Rio 2016.