Dojô Chico do Judô é inaugurado na Associação de Judô Corpore Sano, em Ribeirão Preto, São Paulo

Setembro chegou com uma grande homenagem ao sensei Francisco de Carvalho Filho, o “Chico do Judô”, que nos deixou no mês de fevereiro aos 71 anos.

No dia 01 de setembro, foi inaugurado um novo espaço da Associação Corpore Sano que abriga um dos maiores tatames privados do Estado de São Paulo.

Levando o nome do eterno apaixonado pelo Judô, Chico do Judô, um dos grandes impulsionadores da modalidade no estado de São Paulo.

Praticante desde muito cedo, ele participou de muitas competições estaduais e nacionais e, em 1967, conquistou o título de campeão brasileiro.

Como gestor, ele dirigiu a 9ª Delegacia Regional do ABC, presidiu por mais de 20 anos a Federação Paulista (FP Judo) e ocupou o cargo de vice-presidente da Confederação Brasileira(CBJ).

Ao longo da carreira atuou como presidente da Comissão Municipal de Esportes, foi secretário de esportes, orientador pedagógico, ouvidor e vereador por quatro mandatos.

O novo dojô da Corpore Sano conta com três áreas de combate, terá sistema de som, monitores de LED, placares eletrônicos e toda a infraestrutura funcional necessária.

O evento contou com a participação virtual dos filhos de Chico do Judô, Claudia, Fabiana, Camila e Francisco Neto, além da esposa Marcia de Camargo, que ficaram muito emocionados com a homenagem prestada. Daniel de Carvalho, também filho de Chico, falou em nome dos irmãos.

“Nós agradecemos muito ao Sensei Cleber pela homenagem prestada ao meu pai. Tenho certeza de que ele está muito feliz. Todos aqui foram amigos e conheceram muito bem ele. Estou ouvindo tudo o que vocês estão falando e tenho certeza de que ele deixou um legado importante”, afirmou Daniel de Carvalho.

Além dos familiares, vários amigos fizeram questão de prestigiar o momento por meio virtual, entre eles, o jornalista José Jantalia e Mario Manzati, os presidentes das federações: do Tocantins, Sensei Georgton Thome Pacheco; do Acre, Sensei Delfino Batista; da federação da Paraíba, Sensei Adjailson Fernandes Coutinho; da federação mineira, Sensei Luis Augusto Martins Teixeira.

Entre os presentes estavam o atual presidente da FP Judô, Sensei Alessandro Puglia, o Sensei Hatiro Ogawa, ex-presidente da Federação Paulista, Tito Bonagamba, coordenador do projeto de judô na EEFERP/USP, Cristiano Roque Antunes Barreira, diretor da EEFERP/USP, Erik de Ávila, diretor de Esportes de Ribeirão Preto, Nelson Lemes da Silva Júnior, presidente do CREF4/SP, Bruno Galati, conselheiro do CREF4/SP e Thamirys Cristina Souza Silva, que representou a secretaria de Esportes, Lazer e Juventude do estado do Rio de Janeiro.

Da Associação de Judô de Mauá, estiveram presentes Gerardo Ciciliano, presidente licenciado, Reinaldo Seiko Tuha, presidente exercício, e Jurandir de Matos , coordenador técnico.

Coordenador da Associação de Judô Corpore Sano e idealizador da homenagem, Cleber do Carmo falou sobre a amizade com Chico do Judô e a inauguração do novo dojô.

“Todos sabem que o Chico foi uma referência para mim. Desde sempre me ajudou. Poder prestar essa homenagem para ele é o mínimo que eu poderia fazer. Gostaria que ele estivesse aqui para poder presenciar esse momento lindo. Ele deixou um legado e nossa missão é manter isso vivo. Agradeço a todos que estão aqui presentes, e aos familiares que permitiram essa homenagem. Estou muito feliz”, disse Do Carmo.

Também estiveram presentes os Senseis Carlos Eduardo, Lucas do Carmo, Terencio Neto e Katia Guilhermino, que fazem parte do time Corpore Sano.

Respeitando todos os protocolos sanitários como uso de máscaras, álcool em gel e distanciamento social, o evento recebeu mais de 50 faixas pretas formados pela Corpore Sano ao longo de 29 anos.

Com informações de Murilo Bernardes/Associação de Judô Corpore Sano.