Coronavírus inspira brasileiro a escrever o livro “Palavras do Isolamento”

Por Girliani Martins | Crédito: Divulgação

O isolamento social, provocado pela pandemia de coronavírus, exigiu das pessoas, além de disciplina, muito equilíbrio emocional, afinal de contas, alterou completamente a rotina de todos. O brasileiro Ricardo Calleia aproveitou esse momento tão delicado para escrever reflexões que pudessem, de alguma maneira, transmitir conforto e paz de espírito.

A partir dessas reflexões, produziu o livro “Palavras do Isolamento: COVID-19”, em parceria com a Bueno Editora, que será lançado em 27 de agosto, no formato de eBook.

Capa do livro Palavras do Isolamento: COVID-19.

Assim como milhares de pessoas, Ricardo sentiu os efeitos da quarentena. Na fase inicial, ele vivia com a esposa e os filhos em Barcelona, na Espanha, um dos lugares mais afetados. Entretanto, com a expansão do vírus, teve que voltar ao Brasil sozinho, para cuidar dos pais idosos, pertencentes ao grupo de risco.

Ao deixar a família na Europa, precisou lidar com a ansiedade, a saudade e o desânimo. Segundo o autor, o isolamento, apesar de ser algo difícil, transformou a vida dos cidadãos, levando-as ao crescimento pessoal. “Estou entre os indivíduos que sofreram com a saudade dos familiares, contudo, ao invés de me retrair, superei esse sofrimento emocional e o transformei em garra, determinação e coragem. Foi um grande desafio, mas como é de praxe, ele deve ser superado e não nos deter”, relata.

“Palavras do Isolamento: COVID-19” aborda temas como amor, família, saudade, tecnologia, equilíbrio, entre outros. A finalidade é transmitir otimismo e autoestima, conduzindo os leitores a um novo estado de autoconhecimento.

Onde encontrar

Amazon

Kobo

Google Play

Live

Para comemorar o lançamento do eBook, o autor Ricardo Calleia participa de uma live em 27 de agosto, às 19h, no canal da Revista Master no Youtube. Fique ligado (a).

Sobre o autor

Ricardo Santos Calleia nasceu em Salvador, capital da Bahia, em 1972. Estudou Administração de Empresas na UNIFACS e Educação Física na UCSAL, simultaneamente, em 1990, formando-se no segundo curso em 1997.

Ricardo Calleia.

Também foi bacharel de Direito na Unijorge até o nono semestre, em 2019. Trabalhou como professor de Educação Física em várias academias e instituições privadas de ensino, e como diretor administrativo da Faculdade de Artes, Ciências e Tecnologias (FACET).

Além de todos as atuações mencionadas, desenvolveu ao longo dos anos, o entusiasmo pelo aspecto motivacional das pessoas, algo que o conduziu à publicação desta obra.