Chuck Norris é homenageado no livro Martial Arts: Masters & Pioneers, dos EUA

Por Girliani Martins | Crédito: Divulgação

O mundo das artes marciais e das lutas não teria sentido sem a contribuição de lendas como Bruce Lee, Jackie Chan, Bill Wallace e Chuck Norris.

Norris, inclusive, é o homenageado do livro americano “Martial Arts: Masters & Pioneers” (Artes Marciais: Mestres e Pioneiros, tradução em português), escrito por Jessie Bowen.

Com lançamento previsto para 11 de julho (evento online), a partir das 19h (horário dos EUA), a obra retrata a trajetória destaca o astro e celebra seu aniversário de 80 anos.

Além disso, traz biografias de grandes educadores americanos, e segunda primeira vez, conta com a participação de brasileiros.

Foram 12 profissionais escolhidos, entre eles, Fábio Bueno (editor), Carlos Silva (Kickboxing), Laécio Nunes (Kickboxing), Fábio Goulart (Taekwondo), Marcos Starling (Taekwondo), Silvio Lee (Kajeetsu) e Masahiro Shinzato (Karate).

São 520 páginas de muita história e conteúdo de qualidade. É uma edição especial e que destaca ainda a participação do presidente da Professional Karate Association (PKA), Joe Corley, Bill Wallace, Anthony Albanese, Mike Biorn, Ian Blanchard, Frank Cliguri, Freddie Contrell, entre outros.

Para finalizar, o autor informou que haverá um outro lançamento online em julho com convidados brasileiros.

Chuck Norris

Carlos Ray Norris Jr., conhecido como Chuck Norris, nasceu em 10 de março de 1940, na cidade de Ryan, Oklahoma.

Tem dois irmãos mais novos, Wieland (in memoriam) e Aaron Norris, este último produtor de Hollywood (que inclui em seu currículo produções de filmes de seu irmão) e é sobrinho-neto do escritor norte-americano Frank Norris.

Aos 10 anos, com o divórcio dos pais, foi morar na Califórnia, com a mãe e os irmãos. Os problemas na infância o incentivaram a se interessar por artes marciais.

Ao terminar a faculdade, casou-se com a colega de escola, Diane Holechek. Em 1958, ingressou em uma unidade da Força Aérea, sendo incorporado como PM e enviado à base aérea de Osan, na Coreia do Sul.

Foi nesta época que ganhou o apelido de Chuck e que também começou a treinar artes marciais, iniciando pelo Tang Soo Do, que é uma modalidade similar ao Taekwondo, arte marcial coreana, na qual chegou à faixa preta. Estudou também Karate Shinto-ryu (no qual chegou também à faixa preta) e Jiu Jitsu (com os Irmãos Machado), atingindo a faixa marrom. 

Seu interesse cada vez maior pelas artes marciais o levou a criar uma nova modalidade, o Chung Kuk Do, que significa “O Caminho Universal”.

Retornando aos EUA, continuou trabalhando na Forca Aérea, em uma base na Califórnia. Dispensado em 1962, abriu uma rede de escolas de Karate. Em 1968, tornou-se campeão de Kickboxing meio-médio, título que manteve por sete anos consecutivos. No ano seguinte, foi considerado o Lutador do Ano pela revista Black Belt, e estreou como ator no filme The Wrecking Crew.

Em uma demonstração de artes marciais em Long Beach, Norris encontrou-se com Bruce Lee, que o convidou para participar do filme “O Voo do Dragão”. A partir desse papel, sua carreira cinematográfica decolou, conferindo-lhe fama e sucesso internacional, a partir de produções como “Comando Delta” e “Braddock – O Super Comando” (Missing in Action).

Atualmente, Chuck Norris é responsável pela criação da liga de Kickboxing mundial, a World Combat League (WCL), que desenvolve um excelente trabalho na divulgação do esporte. Esta organização criou novas regras no Kickboxing, sendo que suas competições são realizadas em times, cada qual representando um estado americano.

Fechar Menu