Por Confederação Brasileira de Judô | Crédito: CBJ

imagem da noticia

Seleção juvenil conquista quatro medalhas e Brasil termina em terceiro no quadro geral

Além das sete medalhas no Campeonato Pan-Americano na Costa Rica, o Judô brasileiro subiu ao pódio também na Copa Europeia Sub-18 de Teplice, na República Tcheca, no último final de semana. Em uma competição que contou com a participação de 37 países e mais de 700 atletas, a seleção juvenil conseguiu conquistar quatro medalhas e colocar o Brasil no terceiro lugar geral. Os maiores destaques foram os ouros de Bruna Bereza (63kg) e Eduarda Rosa (70kg). Os outros pódios foram a prata de Thayane Lemos (57kg) e Anna Belém dos Santos (+70kg). 

Para chegar à decisão pelo ouro, Bereza foi perfeita nas preliminares, vencendo cinco lutas por ippon. Na final, a brasileira derrotou a holandesa Marin Visser por um wazari. Eduarda Rosa teve desempenho semelhante, vencendo todas as suas quatro lutas preliminares também por ippon. Na final, ela conseguiu um wazari para superar a russa Daria Kariakina e conquistar o título. 

Thayane Lemos (57kg) também precisou vencer quatro lutas nas fases iniciais para chegar à final, onde sofreu o ippon da holandesa Joanne Van Lieshout e ficou com a prata. 

A última medalha veio com Anna Belém dos Santos, no peso-pesado. Nas preliminares, a brasileira venceu dois combates por ippon, mas caiu nas quartas para Justina Kmieliauskaite, da Lituânia. Na repescagem, Belém passou pela francesa Lea Fontaine e por Oxana Diaceno, da Moldávia, para chegar à disputa pelo bronze, onde venceu a ucraniana Ruslana Bulavina por ippon. 

"O resultado da equipe foi excelente, com destaque para as três finais que conseguimos chegar numa competição que estava muito dura com atletas das principais potências mundiais, como Geórgia, Rússia, República Tcheca, França", ressaltou Marcelo Theotônio, gestor das categorias de base da CBJ. 

O quadro geral de medalhas comprova o bom desempenho da seleção. Com apenas 16 atletas, o Brasil conseguiu ficar em terceiro lugar, atrá apenas da Rússia, que levou 41 judocas, e da Holanda, que levou 59 atletas. O Brasil ficou na frente de países com número muito superior de atletas, como Alemanha, que inscreveu 93 judocas e ficou em 8º no geral; França, com 32 atletas e 6º lugar, e Hungria, com 52 atletas, que terminou em 9º. 

A etapa de Teplice faz parte do Circuito Mundial Sub-18 e conta pontos para a classificação aos Jogos Olímpicos da Juventude de Buenos Aires 2018. 

Veja mais notícias!

imagem da noticia

Gutemberg Lins ministra Workshop de Coreografias de Luta em São Paulo

ver completa
imagem da noticia

Gutemberg Lins ministra Workshop de Coreografias de Luta em São Paulo

ver completa
imagem da noticia

Gutemberg Lins ministra Workshop de Coreografias de Luta em São Paulo

ver completa
imagem da noticia

Gutemberg Lins ministra Workshop de Coreografias de Luta em São Paulo

ver completa
imagem da noticia

Gutemberg Lins ministra Workshop de Coreografias de Luta em São Paulo

ver completa
imagem da noticia

Gutemberg Lins ministra Workshop de Coreografias de Luta em São Paulo

ver completa