Por Confederação Brasileira de Judô

imagem da noticia

Luciano Corrêa anuncia aposentadoria dos tatames

Depois de 30 anos dedicados ao Judô, o meio-pesado da seleção brasileira e do Minas Tênis Clube, Luciano Corrêa, anunciou na segunda-feira (04), sua aposentadoria dos tatames. Campeão mundial em 2007 e representante do Brasil nos Jogos Olímpicos de Pequim 2008 e Londres 2012, o brasiliense encerra sua carreira competitiva aos 35 anos de idade. 

Sua trajetória no esporte começou aos quatro anos, quando deu os primeiros passos no dojô em Brasília, sua cidade natal. Aos 16, Luciano foi integrado à equipe do Minas e aos 19 sagrou-se campeão pan-americano Júnior (Sub 20), em 2001, ano em que também venceu a seletiva nacional e entrou para a seleção principal do Brasil.

Foram 16 anos servindo a seleção e inúmeros títulos conquistados: é tricampeão brasileiro, tricampeão dos Jogos Mundiais Militares, bicampeão do Campeonato Pan-Americano, bicampeão dos Jogos Pan-Americanos, multimedalhista em etapas de Open, Copa do Mundo, Grand Prix e Grand Slam do Circuito Mundial da FIJ, bronze no Campeonato Mundial do Cairo, em 2005, e campeão mundial no Rio, em 2007. 

Força, superação, raça, espírito de equipe e liderança são características que sempre acompanharam Luciano Corrêa em seus combates e que, assim como suas conquistas, ficarão como legado de sua bela trajetória no Judô. 

Veja mais notícias!

imagem da noticia

Sensei Sérgio Valencia confirma participação no livro Grandes Mestres - 10ª edição

ver completa
imagem da noticia

Alex Raspa comemora 18 anos da ABRACIF e homenageia mestre Chiu Ping Lok

ver completa
imagem da noticia

Autor do livro Grandes Mestres atrai dezenas de educadores em Itajubá, Minas Gerais

ver completa
imagem da noticia

Seleção juvenil conquista duas medalhas na Polônia

ver completa
imagem da noticia

#Agenda: Vem aí a Homenagem Esportiva 2018

ver completa
imagem da noticia

Centro Pan-Americano de Judô recebe disputas do Campeonato Brasileiro Sub 21 neste final de semana

ver completa