Por Confederação Brasileira de Judô | Crédito: CBJ

imagem da noticia

Pan de Judô começa nesta quinta com seis brasileiros no tatame de Videna, em Lima

Começa nesta quinta-feira uma das competições mais importantes da temporada para a seleção brasileira de Judô, o Campeonato Pan-Americano de Lima, no Peru, que distribui até 700 pontos no ranking mundial e será também classificatório para os Jogos Pan-Americanos de Lima 2019. 

No primeiro dia de combate, o Brasil será representado por seis atletas: Nathália Brígida (48 kg), Larissa Pimenta (52 kg), Sarah Menezes (52 kg), Rafaela Silva (57 kg), Eric Takabatake (60 kg) e Daniel Cargnin (66 kg). 

As preliminares começarão às 11h30 e as disputas por bronze e final serão às 17h, no horário de Brasília. 

Sorteio
O sorteio realizado nesta quarta-feira na capital peruana definiu os confrontos das chaves das 14 categorias em disputa. No congresso, o Brasil foi representado por Amadeu de Moura Jr, chefe da delegação em Lima, pelo técnico da seleção feminina, Mario Tsutsui, e pelo técnico convidado, Kiko Pereira, treinador da Sogipa, que tem oito atletas neste Pan. A técnica Yuko Fujii também estará em Lima com a seleção masculina. 

CONFIRA AQUI as chaves do Pan

Primeiro dia 
O primeiro brasileiro a subir no tatame do Coliseo 1, em Videna, será o meio-leve Daniel Cargnin, que fará a quinta luta da área 1, enfrentando o haitiano Gerard Cadet no início da caminhada em busca de seu primeiro título pan-americano. O atual campeão pan-americano no 66 kg é o cubano Osniel Solis, que não veio à Lima neste ano. 

Na mesma área, Eric Takabatake (60 kg) será o 18º a entrar no tatame, onde enfrentará o vencedor do duelo entre Carlos Maldonado (Argentina) e Henrique Soliz (Bolívia) para buscar seu bicampeonato pan-americano. Eric conquistou o título em 2017, e não lutou em 2018, quando o ouro ficou com o equatoriano Lenin Preciado. Ele está do outro lado da chave do brasileiro e, assim, os dois só se enfrentariam na final.  

Já as disputas das categorias femininas acontecerão na área 2. Nathália Brígida estreará contra a peruana Noemi Orneta na 11ª luta dessa área. O peso ligeiro feminino na Pan-América tem a atual campeã olímpica, Paula Pareto, da Argentina, que só enfrentaria a brasileira numa possível final.

Quatro lutas após o combate de Brígida, será a vez de Rafaela Silva (57 kg) estrear contra a cubana Arnaes Odelin Garcia pelas oitavas de final. A chave da brasileira ainda tem, entre outras, as experientes Yadinis Amaris, da Colômbia, e Miryam Roper, que lutou pela Alemanha até os Jogos do Rio e hoje defende o Panamá. A atual campeã pan-americana, Christa Deguchi, do Canadá, está no outro lado da chave e só enfrentaria Rafaela numa possível final.

Na classe até 52 kg, Larissa Pimenta fará sua estreia em Pan Sênior enfrentando a americana Alaine Abuan. Na mesma categoria, a campeã olímpica Sarah Menezes, que lutará seu primeiro Pan no meio-leve depois de conquistar quatro vezes o ouro no 48kg, folgará na primeira rodada e pegará a vencedora do confronto entre Francine Echevarria, de Porto Rico, e Oritia Gonzalez, da Argentina. As duas brasileiras podem se enfrentar já nas quartas-de-final se vencerem suas primeiras lutas em Lima. 

Acompanhe as lutas
A CBJ vai cobrir in loco as disputas em Lima, divulgando os resultados dos brasileiros em tempo real no Twitter pelo perfil oficial @noticiascbj. Os bastidores da seleção brasileira com fotos e vídeos serão postados nos stories do Instagram @noticiascbj e a reportagem com fotos e entrevistas estará disponível no site www.cbj.com.br ao final de cada dia de competição. 

Participe da cobertura pelas redes sociais enviando-nos mensagens com as hashtags #judolima2019 e #preparadosparavencer

Programação completa

Transmissão ao vivo: Confederação Pan-Americana de Judô

Veja mais notícias!

imagem da noticia

Rafaela Silva e Felipe Kitadai são campeões do Grand Slam de Baku

ver completa
imagem da noticia

Brasileiros fazem boa estreia no Mundial de Taekwondo

ver completa
imagem da noticia

Seleção brasileira está pronta para o Campeonato Mundial de Taekwondo

ver completa
imagem da noticia

Seleção brasileira de Judô é convocada para o Campeonato Mundial de Tóquio 2019

ver completa
imagem da noticia

Jéssica Bate-Estaca é a nova campeã do UFC

ver completa
imagem da noticia

Livro Hoshin-Sull, do mestre Woo Jae Lee, chega à Bueno Editora

ver completa