Gabriela Sabau

imagem da noticia

Seleção feminina chega à França para a disputa do Grand Slam de Paris


O judô brasileiro enfrentará neste final de semana o seu primeiro grande desafio da temporada 2019 no tradicional Grand Slam de Paris, disputado na capital francesa nos dias 09 e 10. Para a competição, que vale até mil pontos no Ranking Mundial da FIJ, a CBJ levou apenas a seleção feminina, com 14 representantes. As judocas desembarcaram em Paris nesta quinta-feira, 07, e farão um treino de adaptação no mesmo dia.

Os homens, que estavam em treinamento de campo no Japão em janeiro, lutarão o Grand Slam de Dusseldorf, no final de fevereiro.

Em Paris, a seleção será representada pelas judocas Maria Suelen Altheman(+78kg), Beatriz Souza (+78kg), Mayra Aguiar (78kg), Samanta Soares (78kg),Maria Portela (70kg), Ellen Santana (70kg), Ketleyn Quadros (63kg), Alexia Castilhos (63kg), Rafaela Silva (57kg), Tamires Crude (57kg), Eleudis Valentim(52kg), Larissa Pimenta (52kg), Nathália Brígida (48kg) e Gabriela Chibana (48kg), que substituirá Sarah Menezes na competição.

A campeã olímpica, que estava convocada para Paris, Oberwart e Dusseldorf no 48kg,passará a representar o Brasil no meio-leve (52kg) em 2019. Por isso, seu calendário de competições foi replanejado pela comissão técnica da CBJ.

Estrelas em ação no Palácio de Bercy

Mais de 600 judocas de 98 países estarão em ação no Palácio de Bercy neste final de semana. Entre eles, diversos medalhistas olímpicos e mundiais, como a tricampeã mundial Clarisse Agbegnenou (63kg), que lidera a seleção anfitriã, e um esquadrão de 23 japoneses, com Ami Kondo (48kg), Hifume Abe (66kg), NaohisaTakato (60kg), Soichi Hashimoto (73kg), além dos principais judocas de potências como Alemanha, Cuba, Rússia, Azerbaijão, Kosovo, Geórgia, Hungria,Israel, Mongólia, Holanda, Coreia do Sul, entre outros.

Veja aqui a lista completa de inscritos.

Programação

Na sexta-feira, 08, acontecem o sorteio das chaves e a pesagem das categorias 48kg, 52kg, 57kg, 63kg, 60kg, 66kg e 73kg, que lutarão no sábado, 09. As demais categorias - 70kg, 78kg, +78kg, 81kg, 90kg, 100kg e +100kg - lutarão nodomingo, 10.

As preliminares começarão às 7h e as disputas por medalhas serão a partir das 14h, no horário de Brasília.

Assista ao vivo pelo portal www.live.ijf.org ou ippon.tv

Histórico de campeões brasileiros

Uma das etapas mais tradicionais do Circuito Mundial, o Grand Slam de Paris é o sonho de muitos judocas e a atmosfera da torcida francesa no Palácio de Bercy transforma a arena no palco perfeito para um espetáculo de judô.

Grandes judocas já marcaram seus nomes no hall dos campeões de Paris, entre eles quatro brasileiros. Edinanci Silva foi a primeira brasileira a conquistar o ouro na competição, em 2000. Seis anos mais tarde foi a vez de João Derly colocar o hino do Brasil para tocar em Bercy. Leandro Guilheiro repetiu o feito de seus companheiros em 2010 e Mayra Aguiar fez uma dobradinha com títulos em 2012 e 2016. A meio-pesado pode chegar ao tri inédito de Paris neste domingo.

 Fonte: Assessoria de Imprensa da Confederação Brasileira de Judô

               Lara Monsores (lara.monsores@cbj.com.br /+55 21 98038-1010 )

Veja mais notícias!

imagem da noticia

DMCard lança "Dedica Mais", o maior programa de apoio ao esporte já realizado no Vale do Paraíba

ver completa
imagem da noticia

Embaixador Internacional do Templo Shaolin, Steve DeMasco, faz visita no Brasil

ver completa
imagem da noticia

Mestre Kang participa de seminário em Bragança Paulista

ver completa
imagem da noticia

“Sem pressão”, carateca Douglas Brose foca em boa sequência nos torneios e avalia etapa da Liga Mundial em Dubai

ver completa
imagem da noticia

DMCard lança "Dedica Mais", o maior programa de apoio ao esporte já realizado no Vale do Paraíba

ver completa
imagem da noticia

FakeNews, como tentar fugir delas

ver completa