Por Confederação Brasileira de Judô | Crédito: Lara Monsores/CBJ

imagem da noticia

Seleção encerra última concentração no Brasil antes do Campeonato Mundial de Baku

A seleção brasileira de Judô fechou na manhã desta quarta-feira (05), o último treinamento de campo no Brasil preparatório para o Campeonato Mundial de Baku, que acontecerá na capital do Azerbaijão, no período de 20 a 27 de setembro. 

- Veja a lista dos convocados para Baku 2018

"Ter um treino voltado específicamente para o seu objetivo é muito importante. A gente treinou em uma rotina muito próxima da realidade da competição, com os horários dos treinos, o período de descanso, além de podermos alinhar com os técnicos os detalhes que farão diferença. Foi um treino para a gente afiar as garras antes da competição", contou Ketleyn Quadros, que vai para sua quinta participação em Campeonatos Mundiais. 

Diferentemente dela, o peso médio Rafael Macedo é um dos sete estreantes dessa equipe em Mundiais. O campeão mundial júnior (2014) aproveitou a concentração com a seleção para já entrar no "modo Mundial". "Esse treino foi bem importante para, nessa reta final, ajustar alguns detalhes de tática, estudar alguns adversários e entrar no clima do Mundial", disse Macedo. 

A programação de treinos envolveu todos os setores da comissão multidisciplinar, como preparação física, fisioterapia, nutrição, departamento médico, técnico e ainda contou com um dia dedicado à simulação de competição e análise de desempenho. 

O árbitro Edison Minakawa, coordenador nacional de arbitragem da CBJ e árbitro olímpico, ministrou uma clínica para os atletas nessa terça-feira, onde tirou dúvidas sobre as regras e interpretações da arbitragem. Os judocas foram filmados durante o treino e, em seguida, tiveram suas lutas analisadas pelo árbitro. 

"Para nós, da arbitragem, é uma grande honra estar aqui presente e contribuindo na preparação dos atletas junto com a equipe multidisciplinar. Espero ter esclarecido e quebrado alguns paradigmas que, às vezes, persistem sem nenhuma razão", avaliou Minakawa. 

"Acredito que essa tenha sido a melhor clínica de arbitragem que fizemos nos treinos da seleção, porque foi muito prática e próxima da realidade", pontuou o gestor de Alto Rendimento da CBJ, Ney Wilson.

Programação até o Mundial Baku 2018 

Após a concentração em Pindamonhangaba, os atletas retornarão às suas cidades de origem para dar continuidade aos treinos em seus clubes. 

O próximo compromisso na agenda rumo ao Mundial de Baku será a aclimatação em Sainte-Généviève-des-Bois, cidade francesa nos arredores de Paris. O primeiro grupo embarcará no dia 13 de setembro e o segundo grupo no dia 16. 

Na França, a delegação ficará concentrada no centro de treinamento da seleção francesa de Rúgbi e os treinos serão no clube Sainte-Généviève Sports Judo. 

A ida para Baku começará no dia 18 para os atletas dos pesos Ligeiro e Meio-Leve. Os judocas dos pesos leve e meio-médio chegarão ao Azerbaijão no dia 20 e aqueles dos pesos médio, meio-pesado e pesado chegarão apenas no dia 22. 

Veja mais notícias!

imagem da noticia

CBK divulga calendário de 2019

ver completa
imagem da noticia

Terapeuta Deise Facusse lança o livro “Receitas Taoistas” no Casa Hall Shopping, em Balneário Camboriú

ver completa
imagem da noticia

CBJ promove treinamento com dinâmicas e palestras para colaboradores na sede administrativa no Rio de Janeiro

ver completa
imagem da noticia

Seleção de Karate realiza treinamento de campo no CT Time Brasil

ver completa
imagem da noticia

Filosofia marcial é a base das modalidades

ver completa
imagem da noticia

Prêmio Melhores de 2018 acontece em fevereiro

ver completa