Obstinado e sonhador, o shihan Valbson Jorge nasceu em Belém, no Pará, Região Norte, e é 7º dan em Karate Full Contact (Seishin Kyokushin). Seu maior influenciador é o criador do Karate Kyokushin, Masutatsu Oyama, a quem ele define como o maior guerreiro.
A obra de Oyama lhe ensinou valores que são persuadidos até hoje em sua vida, inclusive sobre a relevância de ser faixa preta. “Faixa não é apenas para ser amarrada na cintura. É um compromisso com as artes marciais. Ter conquistado a faixa preta foi uma conquista, ou melhor, um sonho realizado”, conta.
Com um estilo de treinamento tradicional, mantém a originalidade do estilo com muito respeito.
Profissionalmente, pretende continuar praticando o Seishin Kyokushin por bastante tempo e semear esta semente marcial entre os alunos. “Não foi fácil a jornada que percorri para ser um vencedor. É preciso ter muita determinação e manter o foco”, detalha.
Valbson Jorge Teixeira dos Santos, de 42 anos, atua na capital paraense, é educador e microempreendedor de artigos esportivos. Sua disciplina está muito associada aos valores transmitidos dentro dos tatames e também em razão de sua religiosidade. “Enquanto Deus for o meu chão, não há quem me derrube”, pontua.

Fechar Menu