O grão-mestre é o pioneiro do Kickboxing na Paraíba, estado onde nasceu e deu os primeiros passos.

Durante muito tempo, praticou Karate Shotokan (Yoshizo Machida e Yasuiuki Sazaki), Muay Thai (mestre Nunes) e finalmente Kickboxing (mestre Alfredo Apicella), que lhe entregou a faixa preta.

Em sua terra, consolidou o Kickboxing. Mais tarde, em 1990, ao lado de outros precursores, criou a Confederação Brasileira de Kickboxing Tradicional (CBKBT), representante oficial no Brasil da ISKA Mundial.

Em 1998, o paraibano mudou-se definitivamente para os Estados Unidos, primeiro para Riverside e Los Angeles, na Califórnia, e depois para Salt Lake City, em Utah. Em 2010, assumiu a liderança da ISKA no Brasil e na América Latina.

Em geral, formou mais de 120 faixas pretas, e até hoje, por meio da ISKA, reconheceu mais de 500 em todo Brasil e aproximadamente 800 na América Latina.

A instituição desenvolve um grande trabalho na América Central, principalmente no México, Panamá e Caribe.

Há vários anos, o mestre Carlos Silva auxilia lutadores brasileiros a realizarem o sonho de competir no US Open, nos EUA, considerado o maior evento de artes marciais e esportes de combate do mundo. Além disso, colabora na organização de outros campeonatos, como o Glory.

O brasileiro é um exemplo de sucesso e reconhecido por ser o porta-voz da ISKA e América Latina.

Fechar Menu