I Mundialito PKA Beach Kickboxing agita a Praia de São Vicente

Da Redação | Com informações de Carlos Cruz

O sol de mais de 38º na Praia de São Vicente não foi páreo para a disposição e energia dos participantes do I Mundialito de Kickboxing, realizado há poucos dias pela Professional Karate Association (PKA) em parceria com a Federação Paulista de Kickboxing Tradicional (FPKT) e Confederação Brasileira de Kickboxing Tradicional (CBKT).

Com o apoio da Secretaria de Esportes de São Vicente, o torneio entrou para a história das artes marciais, figurando como o primeiro Beach Kickboxing do mundo.

A arena montada na areia comportava inúmeras pessoas. Ao todo, foram mais de 60 lutas, levando o público ao delírio.

Entre os participantes, estavam atletas de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Acre, Rio Grande do Sul, entre outros, além de representantes do Cazaquistão e da China.

Segundo um dos organizadores, Luciano Ferreira, a adesão foi muito boa e contou com o apoio dos lutadores, organizações e fãs. “Fiquei muito satisfeito com o resultado e também com o envolvimento de todos em prol do mesmo objetivo: divulgar a nossa modalidade e a PKA”, avalia.

Para prestigiar o I Mundialito PKA Beach Kickboxing, o público doou 1kg de alimento não perecível para entidades assistenciais de São Vicente. Foram arrecadados 300 kg de alimentos e 96 pacotes de leite em pó. O prefeito Pedro Gouvêa compareceu e elogiou a iniciativa e o nível dos atletas.

PKA

A entidade, liderada por Joe Corley, administra o Kikcboxing no mundo. No ano passado, o diretor esteve no Brasil com o lendário Bill Wallace para uma série de seminários junto à ISKA e também para prestigiar o lançamento da 11ª edição do livro Grandes Mestres, do qual foi um dos destaques.

De acordo com o mestre Carlos Cruz, durante a estadia surgiu a ideia de realizar o Beach Kickboxing, inspirado nos eventos de Beach Boxe que acontecem nas praias do Rio de Janeiro.

Veja mais fotos no Facebook da Revista Master

Fechar Menu