Por Confederação Brasileira de Judô | Crédito: Febaju

 

A Federação Baiana de Judô (Febaju) realizou no último sábado, 20 de fevereiro, no auditório do Colégio Salesiano Dom Bosco, o Seminário de Arbitragem e Credenciamento Técnico. Destinado a técnicos e presidentes de associações e clubes do estado, o evento teve a finalidade de preparar os profissionais que irão treinar e acompanhar as equipes nas competições de nível estadual e nacional.

Segundo o presidente da Federação Baiana de Judô, Marcelo Ornelas,têm acontecido muitos problemas relacionados à arbitragem, à ética e à postura. "A Febaju, preocupada com esses problemas, viu nesse evento uma forma de credenciar nossos árbitros e técnicos para os eventos de 2016, e, principalmente, de qualificá-los”, disse.

O responsável pela apresentação sobre ética no esporte, Aloísio Short,  disse que as pessoas não estão aceitando o que os árbitros falam. "Não é que nós não erramos. Alguns aqui, inclusive, já foram árbitros e já erraram também. Todos aqui somos passiveis de erro. Mas isso não permite, não dá o direito de faltarmos com o respeito”.

Dia 25 de fevereiro termina o prazo para novos cadastros 

A Primeira etapa do Circuito Baiano de Judô, que também funciona como uma Seletiva para Campeonato Brasileiro Região III, será realizada nos próximos dias 04 e 05 de março, no SESI em Simões Filho. Na quinta (25) é encerrado o prazo para novos cadastros de atletas e membros de delegação. Já na sexta (26), é o fim das inscrições para o evento. 

I Copa Bahia Open de Judô – A Febaju anunciou que a I Copa Bahia Open de Judô será realizada em julho, no Centro Pan-Americano de Judô (CPJ), em Lauro de Freitas. 

Fechar Menu