COB estabelece parceria com a CBJ

Por Confederação Brasileira de Judô | Crédito: CBJ

 

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) e a Confederação Brasileira de Judô estão empenhados em prover as melhores condições de treinamento e preparação para atletas individuais e equipes no ciclo Olímpico Tóquio 2020.Abaixo, você confere as ações que o COB fez/ fará em maio de 2019, com base nos recursos da Lei Agnelo/Piva que o COB investe diretamente na preparação de atletas e equipes. Essas ações estão alinhadas com o planejamento da CBJ para Tóquio 2020.Alto RendimentoJudô (COB/CBJ) – Suporte para a participação de 18 atletas e quatro membros da equipe multidisciplinar no Grand Slam de Baku (AZE), entre os dias 10 e 12 de maio. DesenvolvimentoJudô (COB/CBJ) – Suporte para a participação de 10 atletas e quatro membros da comissão técnica, no European Cup Sub-18 e Treinamento de Campo, que será realizado em Coimbra, Portugal, entre 23 e 30 de maio;Centro de Treinamento Time BrasilCentro de Treinamento Time Brasil – Apoio e acompanhamento técnico-esportivo, e suporte da infraestrutura das instalações para as seguintes modalidades: Natação, Maratona Aquática, Ginástica Artística, Vela, Atletismo, Boliche, Badminton, Saltos Ornamentais, Nado Artístico, Karatê, Judô, Taekwondo, Voleibol e Vôlei de Praia.Jogos e operações internacionaisPreparação Jogos Pan-Americanos Lima 2019 (COB/Confederações) – Primeiro módulo presencial do Curso para Chefes de Equipe em preparação para os Jogos Pan-Americanos de Lima 2019, com todas as confederações envolvidas presentes na sede do COB entre os dias 14 e 15 de maio 2019. Os representantes da CBJ no curso foram Ney Wilson Pereira, gestor de alto rendimento, Bernardo Seabra e Katherine Campos, assistentes da gestão de alto rendimento da CBJ.

Fechar Menu